sábado, 6 de dezembro de 2008

A ORIGEM DA ASTROLOGIA!...


Fotos da Cidade da Horta - Faial - Açores - Portugal


Nascia com os Suméricos uma cultura Astrológica mais desenvolvida, pois este povo foi quem primeiro escreveu sobre os astros e a sua imfulência no comportamento humano, com ideias organizadas e os conceitos ordenados.

A Astrologia e a Religião sempre caminharam lado a lado, mas com enquadramentos diferentes. Com o aparecimento da matemática, a Astrologia ficou mais próxima da Astronomia. A ordem celestial, calculada numéricamente, apesar de comtinuar a ser uma manisfestação de divindade, passou a constituir um mistério para os estudiosos dos planetas e da sua influência sobre os humanos.

A História conta-nos que foi Berose, um sacerdote-astrólogo da Caldeia, o responsável pela divulgação da Astrologia como ciência na Grécia e no Egipto, no século III A. C.
Foram estes Países os berços da filosofia e do misticismo, ricos na sua mitologia e nas verdades nelas contidas.

A mitologia grega, conotando os deuses com as «estrelas» deu nome aos planetas, todos equiparados aos deuses do Panteão na personalidade que lhes era atribuída. Neptuno, Vénus, Mercúrio, Saturno, são exemplos desse paralelismo.

Ptolomeu, astrónomo e astrólogo do século II da nossa Era, publicou um importante manuscrito sobre Astrologia Tradicional. Este texto tornou-se a base dos novos rumos desta ciência a que se deu o nome de Astrologia. Ptolomeu fez pela primeira vez a ligação das forças planetárias à vida prática do ser humano no seu dia-a-dia.

Com os romanos, a Astrologia foi utilizada abusivamente para proveito próprio, tendo-se praticado os crimes mais horrendos.

Com a expansão do cristianismo, o estudo das estrelas foi relegado para segundo plano. Sendo á Astrologia vista como um perigo para a Igreja.

Por outro lado, o conhecimento dos mistérios do misticismo e do esoterismo sempre se manteve como parte integrante de doutrinas secretas de certos adeptos do cristianismo, que não prescindiam da Astrologia como meio de evolução espiritual.

E assim fomos chegando aos nossos dias, com o ressurgimento desta arte mais virada para as necessidades espirituais das nossas vidas, mais em sintonia com o nosso destino enquanto seres em evolução.


Fotos & Texto:

Fernanda Costa

Lisboa, 6 de Dezembro de 2008

Posted by Picasa

9 comentários:

rosa dourada/ondina azul disse...

Parabéns, Fernanda
gostei muito deste teu novo blog.

Gosto e confio na Astrologia.

Beijinho p ti,

SILÊNCIO CULPADO disse...

Fernanda
Uma nova faceta das tuas artes. Um post didáctico e interessante.

Beijos

Pico minha ilha disse...

Que fotos amiga!!!
Gostei deste novo cantinho e vou passar com mais calma.Beijinhos e bom fim de semana.

poetaeusou . . . disse...

*
grato,
pela lição, dita . . .
,
jinos
,
*

João da Silva disse...

Fernandinha, este seu outro blog é maravilhoso!
É muita cultura, ministrada com amor. Seu coração é amor, você é linda, querida, linda. Senti aqui muito carinho, acolhimento e paz...
Obrigado, linda!
Beijinhos carinhosos!

gaivota disse...

fernandinha, passei um dia lindo com gente linda, "família do coração" e amantes das ilhas açoreanas, quase me senti viva por lá...........
havemos de conversar, obrigada pelo mail, espera, direi alguma coisa, mas preocupada estou, a sério...
como já te disse, quando se sabe do assunto, tou lá!
beijinhos grandes

NAELA disse...

Gostei muito de seu blog, alias matei minhas curiosidades lendo seus posts!
Gosto imenso de astrologia
Beijo terno

Agulheta disse...

Fernanda. Gostei bastante deste blog,didático e virado para a astrologia,gosto bastante deste tema me entusiasma mesmo.
Beijinho da Lisa

EU MULHER disse...

Fernanda, que fotos lindas!!

Um beijão!